Historicar, pesquise pela placa todo o histórico do veículo.

Historicar, pesquise pela placa todo o histórico do veículo.

Historicar, pesquise pela placa todo o histórico do veículo.

Historicar, pesquise pela placa todo o histórico do veículo.

ENTRAR

CADASTRAR-SE

X

Ei, você aí!
Que tal um
descontão na
sua consulta?

HISTORICAR10

É muito simples, basta colocar o código acima na caixa de cupom
localizada na tela de confirmação da placa. Obs: É apenas um uso por usuário.
X promodal Historicar promodal Historicar
X
X

Criar sua conta

Ao se cadastrar você está aceitando
os termos de uso.

CADASTRAR-SE

ou

CADASTRO COM GOOGLE Já é cadastrado? Clique aqui.
X

Recuperar Senha

ENVIAR
X

Termos de Uso

X

Exemplo da Consulta Completa Historicar

03/08/20

Qual a diferença entre CRV e DUT?

  • Início
  • Blog do Historicar
  • Qual a diferença entre CRV e DUT?

  • QUAL A DIFERENÇA ENTRE CRV E DUT?

    Na hora de comprar um veículo seminovo, o papel mais importante para a transferência de dono é o CRV do carro ou DUT, que deve ser assinado pelos proprietários do veículo, registrando a venda. É ele que atesta que a transferência de propriedade pode ser efetuada.

    Mas você sabe qual é a diferença entre CRV e DUT? Continue lendo e descubra.

    O QUE É CRV?

    O CRV (Certificado de Registro de Veículos) é idêntico ao DUT, também dando a autorização para que o veículo mude de proprietário. Basicamente, no ano em que o Detran mudou o sistema, em 1985, o documento de transferência passou a se chamar CRV. Dessa forma, a sua função continuou a mesma e apenas a nomenclatura foi modificada.

    O QUE É DUT?

    O DUT (Documento Único de Transferência) dá permissão ao proprietário do veículo para efetuar a sua transferência para outra pessoa. Ele deve ser preenchido de forma correta e assinado no verso tanto pelo vendedor quanto pelo comprador.

    A nomenclatura DUT ficou em vigor até o ano de 1985. A partir daí, o Detran (Departamento de Trânsito) implementou o sistema Renavam e o DUT mudou. Por isso, se você tem um carro que foi comprado antes de 1985, é provável que o documento para transferência ainda se chame DUT.

    POR QUE OS DOIS NOMES SÃO DIFERENTES?

    Se os documentos cumprem a mesma função, mas o nome DUT deixou de ser adotado desde 1985, por que ainda se usam as duas nomenclaturas? Na verdade, isso se deve ao uso popular.

     Mesmo com a mudança do documento, as pessoas que estavam acostumadas com o termo DUT continuaram a chamar o CRV por esse nome. Assim, os dois nomes são aceitos para designar esse documento que permite realizar a transferência de propriedade do veículo.

    Quem não conhece todo esse histórico pode ficar confuso e pensar que se tratam de dois documentos com funções diferentes, mas não é o caso. Para os carros comercializados hoje em dia, o DUT não existe mais — você precisa assinar apenas o CRV.

     

    • HISTORICAR
    • Dicas
    • DETRAN
    • DUT
    • CRV
    Compartilhar:

      Posts Relacionados

    • Veículo de leilão é um problema?

      Certamente se você está procurando um veículo novo, já deve ter visto alguns comentários ou dicas sobre adquiri-los em leilão até porque os veículos anu...

      Ler mais
    • Entenda tudo sobre RECALL

      A maioria das pessoas já devem ter visto um anúncio na TV falando sobre uma chamada de “RECALL” de um certo tipo de veículo. Este chamado nada mais é que a montadora p...

      Ler mais
    • Como transferir o veículo com segurança

      O PROCESSO DE TRANSFERÊNCIA

      Quando você for vender o veículo ou entregar o veículo a outro proprietário, é...

      Ler mais