X

Histórico do veículo: por que você deve se preocupar com isso?

Caroline Borba 02 de Junho de 2022

Histórico do veículo: por que você deve se preocupar com isso?


Conheça o passado do automóvel antes da compra para não se arrepender

 

Os automóveis usados são a alternativa de aquisição do veículo próprio mais viável que existe para muitas pessoas. O problema está nas decisões de compra tomadas no calor do momento, onde os compradores, seduzidos pelas vantagens da negociação, acabam por não levar em conta detalhes que evitam arrependimentos e futuras dores de cabeça. É por essa razão que conhecer a fundo o passado do carro deve ser uma das prioridades na hora de levar um seminovo para casa.

 

Porquê você deve pensar nisso

O check-up completo do veículo usado permite saber com detalhes o verdadeiro estado da documentação e a possível necessidade de uma manutenção imediata. Assim, você evita acidentes e problemas burocráticos ao realizar a transferência ou aquisição de seguro. Afinal, ninguém quer ser pego de surpresa por alguma pendência jurídica.

 

O que levar em conta na pesquisa

O levantamento das informações do automóvel deve ser realizado por meio de empresa especializada neste tipo de pesquisa em bancos de dados de todo o país e levar em conta os seguintes pontos:

 

- Situação da documentação;

- Histórico de proprietários;

- Indício de sinistro;

- Estrutura mecânica e elétrica;

- Recall pendente;

- Pesquisa jurídica e financeira;

- Passagem por leilão.

 

A soma de todas estas informações resulta na elaboração de um laudo técnico que indica problemas existentes que possam ser empecilhos para a mudança de propriedade do bem em questão e demais transtornos.

 

Vai adquirir um carro usado? Peça o documento que comprove a revisão cautelar!

O fato de você ter optado pela compra de um automóvel seminovo não te impede de contratar um seguro, pois os riscos de imprevistos são os mesmos do que os de quem adquire um carro zero km. O indispensável antes de fechar qualquer negócio é que o comprador esteja atento à situação da documentação do veículo e exija a comprovação da revisão cautelar para evitar surpresas após a concretização da negociação.

 

O que diferencia a revisão cautelar da vistoria prévia?

A revisão cautelar é solicitada por lojas de automóveis, pessoas físicas ou empresas que atuam assumindo riscos no lugar de seus clientes e tem o objetivo de impedir a comercialização de veículos adulterados ou clonados. Já a vistoria prévia é realizada por indicação das seguradoras antes que a contratação do seguro veicular seja formalizada, a fim de identificar problemas que impossibilitem a aquisição do serviço.


Uma boa maneira de evitar possíveis problemas é utilizar o Historicar para pesquisar o histórico do carro utilizando apenas a placa do veículo. A plataforma consulta mais de 60 bancos de dados procurando registros de débitos e alienação, número do Renavam e Chassi, sinistros e remontagens, passagem por leilão, busca e apreensão, recall e muito mais. Saia na frente economizando tempo e energia com tratativas que podem não dar em nada ou ainda roubar o seu sono!

Banner Delta Historicar

Negociando um veículo seminovo ?

Consulte pela placa e descubra todo o histórico!

Saiba Mais

Envie-nos suas dúvidas e sugestões através do formulário abaixo.



Tags:

Autor:
Caroline Borba

Next Post

Próximo Post

Comprar moto usada: 5 passos importantes antes negociar

02 de Junho de 2022

Posts relacionados