Historicar, pesquise pela placa todo o histórico do veículo.

Historicar, pesquise pela placa todo o histórico do veículo.

Historicar, pesquise pela placa todo o histórico do veículo.

Historicar, pesquise pela placa todo o histórico do veículo.

ENTRAR

CADASTRAR-SE

X

Acesse sua conta

X

Criar sua conta

Ao se cadastrar você está aceitando
os termos de uso.

CADASTRAR-SE Já é cadastrado? Clique aqui.
X

Recuperar Senha

ENVIAR
X

Termos de Uso

X

Exemplo da Consulta Completa Historicar

10/07/19

O que você precisa saber sobre veículos e enchentes

  • Início
  • Blog do Historicar
  • O que você precisa saber sobre veículos e enchentes
  •  Enchentes são cada vez mais comuns em grandes cidades. Isso porque os canais pluviais não dão mais conta do enorme volume de água. O que acontece é que nessa hora, os motoristas que estão enfrentando a situação passam por um enorme risco, tanto para o carro, quanto para si mesmo. 
     Então, separamos algumas dicas de especialistas de como agir nesses casos.

    COMO AGIR 

     Digamos que você acabou de ver um enorme alagamento na sua frente, você terá duas opções: Ou você segue em frente ou você para imediatamente. Só continue em frente se você tiver certeza de que a profundidade do alagamento bate da metade sua roda. Procure andar na mesma rotação do motor, mantenha sempre a primeira marcha em veículos manuais ou em L ou 1 se automático, fazendo com que a transmissão não mude para segunda marcha, mantendo a rotação em alta para não acabar entrando água pelo escapamento.
     Por mais que você esteja com pressa nesta situação, fique calmo! Pois se você acelerar o veículo dentro da água, ou andar do lado de um veículo maior, vão se formar ondas que poderão ser aspiradas pelo motor, causando assim, o calço hidráulico e afetar os componentes eletrônicos do carro. O nervosismo também pode fazer com que você apague o motor e se isso acontecer, não tente ligá-lo novamente. 
     Outra dica é que se você não conhece o lugar, está perto de uma ponte e a água está subindo bem rapidamente, não arrisque! Vá para um abrigo, chame um guincho se possível ou acione imediatamente seu seguro do carro. Quanto menos tempo você perder, menos custos terá de arcar depois.

    PERDAS E MANUTENÇÃO

     Após ter passado por toda situação de tensão, seu veículo foi para o conserto. A perguntas feitas muitas vezes é: O carro tem conserto depois da enchente? A resposta é sim, porém os custos devem ser avaliados. 
     Tudo vai depender do quanto seu veículo foi atingido pela água. Se foram somente danos estéticos como molhar o carpete interno, funilaria ou se foram componentes eletrônicos, motor e câmbio por exemplo. Os valores variam de veículo para veículo.  Para ter uma ideia, se foram danificados três ou quatro módulos de um veículo executivo, o preço individual deles é de R$10.000,00 a R$20.000,00 cada. 
     Você terá de ser feita uma higienização em todo o veículo, bancos, carpetes, tapetes, estofamentos, tudo. Ou seja, o veículo terá de ser desmontado, e a dica nessa hora é que não fique levando o veículo em várias oficinas diferentes, pois cada uma fará o mesmo processo para averiguação, podendo até quebrar alguma peça ou desgastá-la. 
     Hoje em dia, as oficinas não têm mais peças em estoque, portanto, todos os itens precisos terão de ser solicitados. Isso significa que você terá que se preparar para ficar mais tempo sem o carro. Se você tiver um seguro, a boa notícia é que quase todas as apólices cobrem danos por enchentes.
    Outro problema que pode vir a acontecer, é a perda da placa. Se for o seu caso, registre um boletim de ocorrência, procure o CRVA para gerar uma ordem de emplacamento. Caso a placa seja a dianteira, você só pagará a taxa, se for traseira, terá de fazer a vistoria no processo. Se for somente o lacre que tenha caído, leve a placa recolhida também.  Valores devem ser consultados de estado para estado.

    VENDA NO MERCADO

     Se optou por vender o veículo porque a manutenção ficou inviável ou deu perda total (quando o custo supera 75% do valor total do carro). Saiba que o preço do veículo não será tão atrativo pra você receber pois o custo de conserto é alto. Certamente terá de dar um desconto no valor do conserto para o novo proprietário para fechar negócio mais rápido. Deixe a parte estética em ordem para ser mais atrativo na venda e o mínimo de coisas para conserto. Assim você diminui a margem de valor negociado.

     Se você é o comprador, saiba que deve ficar ciente de todos estes itens e muitas vezes esse problema não é informado ao comprador. Portanto fique atento. Leve a uma oficina de confiança para fazer uma avaliação interna e faça sempre um test-drive.  

    • HISTORICAR
    • Dicas
    • Enchente

    Compartilhar:

      Posts Relacionados

    • O que fazer e como evitar acidentes de trânsito

      Certamente ninguém deseja se envolver em um acidente de trânsito, mas vamos deixar aqui algumas dicas do que fazer caso aconteça, e o que podemos fazer para evitar esse tipo de situa&cced...

      Ler mais
    • Como transferir o veículo com segurança

      O PROCESSO DE TRANSFERÊNCIA

       Quando você for vender o veículo ou entregar o veículo a outro proprietário, &e...

      Ler mais
    • Como funciona a restituição de IPVA

      O IPVA, como todo proprietário de automóvel já sabe, é o imposto sobre Propriedades de Veículos Automotores (IPVA) que deve ser pago anualmente por quem possui um. O valor ...

      Ler mais